LUCA BURATTO

piano

R. SCHUMANN (1810-1856)

Cenas Infantis op. 15 (1838)

    Por povos e terras distantes

    História curiosa

    Cabra-cega


    A criança suplica

    Completamente feliz

    Grande acontecimento

    Sonhando

    Junto à lareira


    Cavaleiro do cavalo de pau

    Demasiado sério


    A criança tem medo


    A criança a adormece


    O poeta fala

 

L. v. BEETHOVEN (1870-1827)

Sonata op. 57, Appassionata,

em fá menor (1804-06) 

    Allegro assai

    Andante con moto

    Allegro ma non troppo

 

M. RAVEL (1875-1937)

Le Tombeau de Couperin (1914-17)

    Prélude

    Fugue

    Forlane

    Rigaudon

    Menuet

    Toccata

12H30  l  quarta-feira  l  07 de Agosto

Desde que venceu o Honens International Piano Competition em 2015, LUCA BURATTO se apresentou em três continentes, tendo sido rapidamente reconhecido como um artista único: “um nome a assistir” (The Guardian), “um virtuoso incomum” (The Telegraph), “magistral” (International Piano), “um artista que é ao mesmo tempo esclarecedor e destemido” (ConcertoNet).

Em março de 2018, Buratto fez sua estreia em Berlim na Konzerthaus, seguido por uma apresentação com a London Philharmonic, conduzida por Thomas Søndergård no Royal Festival Hall. A atual temporada inclui solos com as Sinfônicas Giuseppe Verdi (La Scala, Milão), de Toronto, de Winnipeg, de Edmonton, Filarmônica de Calgary e recitais nos festivais Progetto Martha Argerich, em Lugano (Suíça), Busoni e Primavera Beethoveniana (Itália), Marlboro (EUA), Ottawa (Canadá), Verbier (Suíça), The Esplanade Recital Studio (Cingapura) e Progetto DDD, em Milão.

Após a formatura do Conservatório de Milão em 2010, Buratto obteve mestrado no Conservatório de Bolzano e estudou com William Grant Naborè no Conservatorio della Svizzera Italiana (Lugano). Seus professores incluem ainda Davide Cabassi e Edda Ponti. Também foi laureado com o 3o lugar no Concurso Internacional Robert Schumann de 2012.